segunda-feira, fevereiro 21, 2011

A CIÊNCIA IMITA DEUS - Americanos criam a Célula Sintética


Cientistas norte americanos anunciaram o desenvolvimento de uma célula de bactéria com genoma produzido em laboratório. Uma célula de bactéria criada em laboratório.

A façanha foi anunciada ontem por por cientistas do instituto criado pelo biólogo norte-americano J. Craig Venter. Estes cientistas publicaram na revista especializada Science, os passos do estudo que consumiu 15 anos de trabalho e resultou no micro-organismo denominado Mycroplasma mycoides JVCI-syn1.0.
DNA artificial

Segundo a equipa dos cientistas, a experiência provou pela primeira vez que é possível planear um genoma num computador, produzi-lo quimicamente em laboratório e depois transplantá-lo para uma célula, que se replica totalmente sob o controle do genoma artificial.

Isso significa que os cientistas não produziram uma célula inteira no laboratório, mas o seu genoma. E o recipiente de célula que recebeu o DNA artificial passou a criar outras células semelhantes, repetindo a informação genética inventada pelos cientistas. Para a equipa, as aplicações possíveis deste método, são inúmeras. O autor principal do estudo, Daniel G. Gibson, explica que a pesquisa serviu apenas para mostrar o que é possível fazer. Passada essa etapa, novas células, desenhadas para resolver os mais diversos problemas, poderão ser desenvolvidas.
Processo de vida artficial

"No futuro, esperamos produzir células com propriedades extraordinárias. São células que podem resolver o problema da energia do mundo, produzir compostos industriais para limpar a água e o carbono da atmosfera e fabricar produtos farmacêuticos", enumerou Gibson, durante uma entrevista.

Os cientistas do J. Craig Venter Institute (JCVI) já haviam conseguido sintetizar quimicamente o genoma de uma bactéria e feito o transplante do genoma de um célula para outra. Foi a união das duas técnicas que permitiu a criação da célula sintética. Em resumo, os pesquisadores recriaram em laboratório as várias sequências do genoma da M. mycoides, adicionando-lhes espécies de "marcas d'água", que permitiram à equipe diferenciá-lo do genoma natural.

A descoberta desta sucessão de procedimentos que permitu a multiplicação de células de DNA artificial é apontada como uma das mais importantes do mundo, que deve revolucionar a biotecnologia. "O mais im pressionante da nossa célula sintética é que o seu genoma foi elaborado em computador e trazido à vida por meio de sínteses químicas, sem termos utilizado um único pedaço de DNA natural", resume Clyde Hutchison, um dos componentes da equipa, em comunicado divulgado pelo JCVI.

Clyde Hutchison

"Uma verdadeira revolução", é assim que o coordenador de Genética da FCM, professor Adriano Azevedo de Mello avalia a recente descoberta feita pelos cientistas americanos. "O estudo permite pensarmos na produção futura de células com propriedades extraordinárias, que podem resolver o problema da energia no mundo, por exemplo, através da produção de combustível, o que gerará um impacto positivo na economia. Visualizo, ainda, grandes avanços no tratamento de doenças como o cancro e diabetes", declarou o professor da FCM, bastante optimista.

Apesar de reconhecer que a descoberta é uma das mais importantes do mundo e tal como o próprio Venter já havia antes admitido, o coordenador de genética da FCM avalia que a possibilidade de criar células artificiais com funções definidas dará início a uma delicada discussão sobre o uso ético da tecnologia. "O perigo é que os experimentos fujam do controle dos cientistas, podendo gerar vários impactos negativos para a humanidade, como por exemplo, a criação de armas biológicas", concluiu Adriano Azevedo de Mello.

Presidente Obama  entrega condecoração ao
biólogo J. Craig Venter




Nada que infelizmente não tivessemos considerado, dada a natural tendência do ser humano de por vezes reverter o lado positivo que estas descobertas possam trazer para a humanidade...

2 comentários:

Claudia disse...

Tomara que só usem esses novos conhecimentos para o bem!

Maria Haydée Nogueira disse...

Oxalá!...
Um abraço.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...