quinta-feira, setembro 22, 2011

NÃO HOUVE JUSTIÇA, HOUVE MAIS UMA MORTE






Houve uma morte de que Troy Davis foi acusado, há quarenta e dois anos. Mas a dúvida persistiu, e recaíu exatamente sobre um dos que o acusavam. 
O mundo pediu, suplicou a revogação desta sentença de morte que permaneceu 
na dúvida até ao fim.   
Mas esta manhã, por volta das 10.30h, mataram este homem, em nome da justiça.
Hoje, mais uma morte aconteceu, como há 42 anos. 
A dúvida, 
essa foi a única que ficou, misturada com as suas cinzas....








2 comentários:

peonia disse...

Também segui as notícias que antecederam esta condenação à morte. Infelizmente, o Supremo não considerou a antiguidade do caso e as dúvidas suscitadas pela mudança das testemunhas. Estranha decisão esta num país que passa por modelo da democracia!! Será que não bastava a pena de prisão perpétua?

Maria Haydée Nogueira disse...

Também acho que sim, este é um tema francamente polémico, e acho que nem vale a pena fazer comparações ou comentários às diversas formas como a justiça vem sendo aplicada por este mundo fora e muito menos a quem as aplica!
Bjinhos e obrigada pelo comentário.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...